O Sonho

O sonho, uma realidade pretendida por muitos, mas alcançada por alguns. Um desejo persistente e também enlouquecedor.


Vou contar-vos a história de uma criatura que é simplesmente a que habita o reino dos sonhos. Como poderá ser? Azul, como o oceano que nos rodeia, ou amarela como o sol que nos ilumina? Com uma capa preta, idêntica à escuridão ou com umas asas que representam a vida? Já decidi, terá uma capa e será amarela. Agora vou falar-vos do menino que alcançou o reino dos sonhos.

- Bom dia mãe!

- Olá filho! Pronto para ir para a escola?

- Sim, mãe!

Então lá foi o nosso rapaz aprender, mostrar a sua imensa sabedoria e a bondade que o acompanhava todos os dias.

Certo dia, este rapaz chamou à atenção da criatura dos sonhos, que, admirada, comentou:

- Aquele rapaz é espetacular, a sua bondade é comovente, as suas atitudes ultrapassam o meu poder, ele é merecedor dos seus sonhos. E assim o rapaz foi chamado a outra realidade.

- Quem és tu e o que queres de mim?

- Calma rapaz, eu represento os sonhos. Observei-te e pergunto-te como é que tu és fonte de tanta bondade?

- Senhor, eu penso que as nossas palavras são a nossa maior fonte de magia.

- Uma teoria interessante!

- Senhor?

- Sim, diz?

- Isto está realmente a acontecer-me ou é apenas na minha cabeça, ou ...

- Decide tu! Alcançaste a barreira dos sonhos e estás a falar comigo. Agora tenho de ir-me embora, vai viver a tua vida e continuarás a ser o homem mais bondoso do mundo, tal como nos teus sonhos. Sabes, às vezes é difícil distinguir o sonho da realidade, confundem-se!

A conversa entre ambos terminou assim, cada um seguiu o seu caminho.

Eu penso que a realidade e o sonho são do mesmo tamanho, ambos são enormes, tal como a bondade, a persistência, a simpatia e muitas outras qualidades. Como Albert Einstein disse:

“Não existem sonhos impossíveis.” O futuro pertence aqueles que não desistem de sonhar.

Autor: Simão Antão







Sem comentários:

Publicar um comentário